A BELEZA DE SER FRACO


Por: Lays Rosado

Como cristãos lavados e remidos pelo sangue de Cristo, não devemos e muito menos podemos viver em pecado. Palavreando as escrituras, ‘’ aqueles que vivem no pecado, estão longe de Deus’’.  Essa, é só mais uma verdade indiscutível entre tantas outras que a bíblia nos diz. Mas, ainda vivemos nessa terra e a verdade é que continuamos pecando inconscientemente ou não.

A grande diferença de nós para aqueles que ainda não conhecem a Deus, é que temos o nosso consolador, o Espirito Santo, que nos leva a uma vida de arrependimento e renúncia. Esse é o único motivo de não estarmos afastado de Deus. Essa graça e misericórdia maravilhosa que repousa sobre nós, permite-nos viver na presença de Deus e sermos santificados pelo sangue de Jesus continuamente.

A obra salvívica de Cristo redimiu a natureza pecaminosa que viva predominando as nossas vidas, mostrando-nos que existe um novo e vivo caminho. Que necessitamos desfrutar e conhecer com a maior intensidade que possamos sentir. Dessa maneira, entendemos que o pecado não tem poder sobre nossas vidas. Somos livres para rejeitar o pecado!

Como conscientes perante Deus, pela revelação do Espírito Santo, quando pecamos é gerado uma consciência de fé que estamos ferindo a Deus. Pois, Ele nos chama para sermos santos como Ele é. E todas as vezes que pecamos, estamos de certa forma nos afastando do Criador. E se não tomarmos cuidado, aquela ‘’voz’’ que nos chama de volta, ficará tão distante, tão apagada, que não vamos conseguir escutar.

É essa voz, o Espírito Santo, que permite o arrependimento verdadeiro em nossos corações, que muda as nossas atitudes, intercedendo por nós, mudando a nossa mente e dando força para vencer o pecado. Por mais derrotado que possamos nos sentir quando ferimos a Deus, a sua misericórdia nos alcança e permite que voltemos para os seus braços.

É devastador pensar que todos dias feriamos alguém que tanto nos ama a ponte de se doar na cruz. É constrangedor não sentir forças para se afastar daquilo que degrada a santidade de Deus. Muitas vezes nos encontramos nessa situação, porque esquecemos, é a força de Cristo que nos permite vencer o pecado. E quando lutamos com as nossas próprias forças já estamos fadados ao fracasso.

Então, a beleza em nossa fraqueza, porque é por meio dela que permitimos que Cristo se aperfeiçoe em nós e reflita a sua glória ao mundo. Isso não significa que devemos escolher o pecado para que Cristo seja anunciado. Mas, que por meio da nossa fraqueza, Ele pode e quer, todas as vezes nos trazer de volta ao lugar que Ele deseja para cada um de nós, ao seu lado.

E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. 2 coríntios 12:9

É assim que conseguimos seguir em frente, lembrando que não existe perante Deus julgo sobre nós, sobre o nosso passado. Seja ele de anos, dias ou segundos atrás. Quem se arrepende do seu pecado, seja ele qual for, alcança misericórdia. Não viva preso por algo que Jesus já perdoou, se perdoe e receba o perdão de Cristo!

Postar um comentário

0 Comentários